+55 (11) 2632-1000
Escolha uma Página
Confiança de Serviços registra segunda alta consecutiva

O Índice de Confiança de Serviços subiu 2,2 pontos em julho, para 93,4 pontos, registrando a segunda alta consecutiva, segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV).

“Depois de quatro quedas consecutivas no início de 2019, a confiança do setor de serviços parece sinalizar uma reversão de tendência. A melhora pelo segundo mês dos indicadores de situação atual e também das expectativas sugere que os empresários estão percebendo uma reação no ritmo de atividade do setor e se tornando mais otimista para o segundo semestre. Apesar dos bons resultados, o nível ainda baixo em termos históricos mostra que ainda há um caminho a ser percorrido e que a retomada do setor deve seguir no ritmo gradual”, analisa Rodolpho Tobler, economista da FGV IBRE.

O resultado positivo em julho impactou 9 das 13 atividades pesquisadas. Os dois componentes tiveram variações positivas: Índice de Situação Atual avançou 1,9 ponto, para 89,4 pontos, enquanto que o Índice de Expectativas subiu 2,6 pontos, para 97,6 pontos.

A reversão da tendência de baixa foi mais influenciada pela melhora mais intensa das expectativas. No entanto, a FGV ressalta que ainda existem entraves para uma recuperação mais robusta.

Os fatores limitativos à melhora dos negócios das empresas ainda continuam em patamares elevados, devido à demanda insuficiente, que voltou a subir em julho e está em 34,4%, maior percentual desde agosto de 2018 (35,0%).

A avaliação dos empresários sobre demanda insuficiente, que vinha diminuindo desde outubro de 2018, reverteu em maio e voltou a subir. Desta forma, é preciso aguardar se a percepção sobre a situação corrente continuará evoluindo favoravelmente nos próximos meses.


voltar