3 ações do Gerenciamento de Risco que tornam o TRC mais seguro
Compartilhe:

Com os altos índices de acidentes e de roubos de cargas/veículos no País, a tecnologia aliada à segurança tem sido fundamental para proteger as operações de transportes. Esta união resultou no que conhecemos atualmente, como Gerenciamento de Risco – GR, um conjunto de soluções inteligentes de prevenção à sinistros.

Antes, o Gerenciamento de Risco era bastante restrito ao rastreamento de cargas, segundo contam os especialistas. Hoje, porém, há no mercado empresas do segmento oferecendo ferramentas com multifuncionalidades, que possibilitam informações integradas e precisas para promover a segurança logística.

Tais estratégias são capazes de reduzir os prejuízos das empresas, prevenindo ocorrências de sinistros em todos os âmbitos da operação.

Destacamos a seguir, 3 ações de GR que tem contribuído para amenizar os riscos na operação de transporte de cargas:

Gerenciamento do veículo – inclui a utilização de equipamentos para proteger a carga e o veículo como os sistemas de: rastreamento (que indicam a localização em tempo real), roteirização (que aponta o caminho mais adequado) e telemetria (instalação de sensores capazes de medir a velocidade média do veículo, temperatura e distâncias percorridas).

Investimento em recursos humanos – para realizar um bom processo de seleção de motoristas e colaboradores, algumas Gerenciadoras de Risco dispõem de banco de cadastros de profissionais que mapeiam, por exemplo, o perfil mais adequado de condutor para transportar determinado tipo de carga. Também existem no mercado sistemas de reconhecimento facial que identificam o motorista e sua disposição para dirigir, com sensores que emitem alertas em casos de sonolência e podem evitar acidentes. 

Busca de novas tecnologias – o Gerenciamento de Risco precisa estar na vanguarda contra as ações criminosas, por isso este setor investe continuamente em desenvolvimento de softwares e outras tecnologias como câmeras embarcadas e ferramentas que impeçam bloqueadores de GPS, buscando o máximo controle de cada operação com mínima margem de erro.

Diante disso, o transportador pode contar com o serviços das Gerenciadoras de Risco para reforçar a segurança e conseguir prevenir custos inesperados, que possam impactar a lucratividade do seu negócio.

Com quem posso contar para melhorar o meu Gerenciamento de Risco? Separamos a seguir as empresas que são destaques neste setor. Confira só:

Apisul – Dispõe de um sistema totalmente automatizado e parametrizado, que garante a segurança e proteção através de soluções customizadas para cada operação.

Buonny – Oferece uma visão abrangente de todas as etapas da operação, por meio de serviços tecnológicos modulares integrados, que atendem as necessidades do cliente.

Guep – Possui soluções de pesquisa de cadastro de motoristas, veículos e empresas do mercado com análise de perfil desenvolvida por meio de Inteligência Artificial.

Pamcary – Utiliza uma base de sinistros atualizada e possui uma torre de controle que consegue identificar, dimensionar e medir as adversidades que possam ocorrer no ciclo de transporte.

Agora, você já sabe as 3 ações principais do Gerenciamento de Riscos, que tal entender mais sobre o rastreamento de Cargas? Clique e conheça os tipos de rastreamento que podem proteger sua frota.

 


voltar