+55 (11) 2632-1000
Escolha uma Página
O quebra cabeça das leis de restrição de circulação

As várias restrições de circulação em vias municipais dificultam, e muito, a movimentação de carga. Por isso, o SETCESP desenvolveu, em parceria com o IPTC (Instituto Paulista do Transporte de Carga), “O Guia de Restrições de Circulação na Grande Região Metropolitana de São Paulo”.

O Guia de Restrições, que teve a sua primeira edição em 2017, foi revisto, atualizado e lançado no último dia 14.  Ganhou reformulações, incluindo, a liberação do VUC no rodízio municipal em São Paulo, e outras oito cidades que tiveram mudança na legislação.

Foi percebendo a dificuldade do transportador em saber onde um município acaba e o outro começa, e também em conhecer qual legislação que se aplica em cada caso, que o SETCESP teve por iniciativa compilar as informações em um só lugar.

Vale ressaltar, no entanto, que as informações reunidas em uma única edição deixam ainda mais evidente a falta de coerência entre as legislações de municípios vizinhos. 

Por exemplo, o transportador pode até coletar uma carga em Guarulhos, importante polo logístico por conta do aeroporto, às 7h30 da manhã, mas só poderá descarregar em São Paulo a partir das 9h. A diferença de horários liberados gera filas de caminhões que esperam para entrar na capital. Sem contar a perda de produtividade para encaixar as entregas com as janelas de restrições.

O SETCESP entende que é preciso haver um consenso do poder público entre os municípios sobre as restrições vigentes que permita maior eficiência no abastecimento das cidades, evitar multas desnecessárias e onerar ainda mais o sistema de transporte.

Enquanto isso não acontece, a entidade trabalha para orientar o transportador com informações atualizadas que permitam um melhor planejamento das rotas e horários.

O Guia de Restrições de Circulação de Veículos de Carga na GRMSP está à disposição do transportador e pode ser acessado gratuitamente. Confira!


voltar