+55 (11) 2632-1000
Escolha uma Página
Duplicação da ERS-118 é retomada com investimento de R$ 131 milhões

A semana começou com máquinas e operários de volta à ERS-118, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Uma semana após o governo do Estado anunciar a liberação de R$ 131 milhões para a duplicação da rodovia – mediante financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) – as construtoras contratadas mobilizaram as primeiras frentes de obras para a continuação dos serviços no trecho de 21,5 quilômetros.

O primeiro trabalho retomado na segunda-feira (24/6) foi a implantação de concreto na pista sob o viaduto da avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira, em Gravataí. Ainda esta semana, também recomeçam os serviços de terraplenagem e pavimentação no km 5, em Sapucaia do Sul, e a construção das três pontes sobre o arroio Sapucaia, no km 6.

Segundo o governador Eduardo Leite, o financiamento obtido junto ao BNDES permitirá que a obra seja executada de forma ininterrupta. “Estamos muito felizes por dar essa solução definitiva para a conclusão da ERS-118”, disse. “Uma vez entregue à sociedade, essa obra resultará não apenas no desenvolvimento da economia da região, mas também em uma melhor qualidade de vida às pessoas que se deslocam entre os municípios.”

Cerca de 70% dos serviços necessários à duplicação da ERS-118 – do entroncamento com a BR-116, em Sapucaia do Sul, ao acesso à freeway, em Gravataí – estão concluídos. Entre os km 5 e 21,5, mais de 80% da pista nova foi finalizada. Também serão retomadas a restauração das pistas antigas, as ruas laterais e os acessos aos viadutos já prontos.

“Conseguiremos quitar todos os pagamentos pendentes e custear os serviços que serão realizados”, afirmou o secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella. “O governador Eduardo Leite definiu esse projeto como prioridade, então montamos um cronograma técnico e criterioso, junto ao Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), para finalmente entregá-la à sociedade até dezembro de 2020.”

Obras em execução na rodovia

Lote 1 (km 11 ao 21,5): a pista nova está com 90% dos serviços executados. Serão concluídos, ainda, os acessos aos viadutos da avenida Marechal Rondon e sobre a ERS-020. A restauração da pista antiga está com 55% do cronograma cumprido. Nas ruas laterais, 75% das obras estão executadas.

Lote 2 (km 5 ao 11): é o segmento em que as obras estão mais avançadas, com 88% de conclusão. Na pista nova, 85% dos serviços foram executados. As ruas laterais estão 90% finalizadas. Falta, ainda, concluir os acessos à transposição do poliduto da Transpetro.

Lote 3 (km 0 ao 5): último lote a ser licitado e ter as obras iniciadas. A pista nova está 50% concluída. Nas ruas laterais, os serviços chegam a 25%. A restauração da pista antiga ainda não teve início para não comprometer o tráfego no trecho.

Viaduto sobre a avenida Theodomiro Porto da Fonseca (km 3,5, Sapucaia do Sul): está 65%concluído, em fase de instalação das vigas.

Viaduto sobre a linha do Trensurb, (km 1, Sapucaia do Sul): obra 30% concluída. Está na etapa de instalação dos pilares.

Pontes sobre o arroio Sapucaia (km 6, Sapucaia do Sul): cronograma 70% finalizado. Falta a execução de aterros e da pista de duas das três pontes.


voltar