A grandiosidade do setor
Compartilhe:

Entre os dias 14 e 18 de outubro aconteceu na São Paulo Expo a Fenatran, evento que reúne expositores de grandes marcas do setor e é o maior na América Latina.

A feira apresenta várias novidades ao mercado, desde tecnologias que realizam o reconhecimento da mercadoria dentro de embalagens até os caminhões com câmbio automático, veículos elétricos ou movidos a hidrogênio. Pouco a pouco, vemos chegar o futuro do transporte sustentável com o avanço de fontes de energia limpas e das tecnologias de conforto e segurança.

Mas sobretudo, o que mais chamou a atenção durante os dias que ocorreram o evento foi a grandeza do transporte rodoviário de cargas e a volta de um otimismo, que já nos fazia falta há algum tempo.

Os expositores foram enfáticos em se manifestarem positivamente sobre a retomada dos negócios.

De acordo com dados da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), a venda de caminhões cresceu 40,69% no Brasil de janeiro a setembro deste ano em relação ao período no ano passado.

A comercialização de implementos rodoviários cresceu 39,06% na mesma comparação, conforme a Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (Anfir).

Esse panorama nos faz acreditar que as reformas do país já surtiram algum efeito.

O setor de transporte representa 3,7% do PIB brasileiro. Nos modais de transporte a representatividade do rodoviário é de 61 %, e nesse universo as empresas detém 63% da frota nacional.

As mudanças podem sinalizar tempos promissores, e vale destacar que o transporte é a base para o crescimento dos demais setores brasileiros.


voltar