Polícia prende ladrões de carga em Itaquá
Compartilhe:
16 de Junho de 2014 – 11h48 horas / Moginews

As polícias Civil e Militar conseguiram prender duas pessoas ontem, em Itaquaquecetuba, acusadas de terem roubado dois caminhões de carga. Um deles tinha carnes de porco dentro do compartimento e o outro carregava colchões, sofás e armários. De acordo com o caminhoneiro que guiava o veículo carregado de móveis, um Volkswagen Worker, dois bandidos se aproximaram e tomaram a direção do caminhão, simulando estarem armados. "A gente estava na rua Joaquim Monteiro Diogo (bairro Tipoia) quando eles vieram e mandaram eu ficar com eles na cabine. Os meus ajudantes eles trancaram dentro do baú do caminhão".
 

A vítima explicou que passaram pelas ruas Aracaré, até serem dispensados na rua Itararé, mas não sem antes tentar convencer os criminosos de que roubar caminhão de móveis não é um bom negócio. "Falei para ele que só tinha colchão, sofá. Essas coisas não dão lucro, mas mesmo assim eles continuaram com o roubo".


Após serem liberados e seguirem com o caminhão, já sem as cargas, o caminhoneiro e os ajudantes viram os assaltantes pelo espelho retrovisor. Eles entraram em uma casa na rua Guarulhos e momentos depois uma viatura da PM que passava pelo local foi chamada.


Os policiais conseguiram entrar na propriedade e lá encontraram um dos bandidos. O rapaz, que estava sem documentos e não teve a identificação concluída, foi levado para a Delegacia Central da cidade, onde foi preso por roubo de carga. O outro criminoso não foi localizado.


O caminhoneiro ainda explicou que justamente ontem havia alterado o trajeto para a entrega dos produtos. "Só porque mudei a minha rota isso aconteceu. Mas fazer o quê? Não dá para evitar essas coisas", finalizou.


Localizador

O outro caso de roubo de carga começou na avenida Jacu-Pêssego, em São Miguel Paulista, zona leste de São Paulo, quando bandidos levaram um Ford Cargo com mais de 3 mil quilos de carne suína. Entretanto, três horas após o crime, o localizador do veículo revelou a posição do caminhão. Policiais civis foram até a rodovia Henrique Eroles, no Jardim Monte Belo, local que o aparelho acusava, e prenderam José Diego Borges de Oliveira, de 29 anos.


Aos policiais, Oliveira falou que apenas estava dirigindo o veículo. O rapaz foi detido e pode responder, entre outros crimes que ainda serão investigados, por receptação. Esse crime também foi registrado no DP Central de Itaquá.


voltar