O desempenho socioambiental do transportador brasileiro tem um aliado
Compartilhe:

Em entrevista, o presidente da CNT e dos Conselhos Nacionais do SEST e do SENAT, Vander Costa, comenta as conquistas alcançadas em 12 anos do Despoluir

A CNT (Confederação Nacional do Transporte) e o SEST SENAT celebram, nesta semana, mais um aniversário do Despoluir – Programa Ambiental do Transporte. Ao longo de 12 anos, a iniciativa brilhou pelo pioneirismo e se firmou como o maior programa ambiental empresarial em curso no Brasil. O programa atua junto a mais de 50 mil transportadores (empresas e autônomos), agregando know-how e incentivando boas práticas. Em pouco mais de uma década, o Despoluir proporcionou cerca de 2,6 milhões de avaliações veiculares, com reflexo direto na qualidade do ar que respiramos. Nesta entrevista, Vander Costa, presidente da CNT e dos Conselhos Nacionais do SEST e do SENAT, relembra essas conquistas e aponta para um futuro cada vez mais limpo e energeticamente eficiente.

Qual é a sua visão para o Programa Despoluir?

Meio ambiente e transporte possuem forte relação, pois toda atividade econômica influencia o espaço físico em que ocorre e gera impactos na sociedade. O Despoluir surgiu nesse contexto para ser um aliado, a fim de ajudar o transportador brasileiro a melhorar seu desempenho socioambiental. Queremos aprimorar, inovar, expandir e fortalecer ainda mais a atuação do programa em favor do desenvolvimento sustentável do setor.

Como o senhor vê a evolução e o futuro do Programa Despoluir?

Desde a sua criação em 2007, o Despoluir já realizou mais de 2,6 milhões de avaliações veiculares ambientais, atendendo a mais de 50 mil empresas transportadoras e caminhoneiros autônomos. Hoje, é o maior programa ambiental da iniciativa privada em curso no Brasil e é reconhecido, principalmente, por sua linha de ação de avaliação ambiental de veículos rodoviários movidos a diesel, dada a importância de se melhorar o desempenho do transporte rodoviário brasileiro no que diz respeito à emissão de gases de efeito estufa e poluentes no ar. Penso que o Despoluir evoluirá no sentido de desenvolver novos serviços e produtos técnicos voltados à eficiência, inovação e sustentabilidade nos diversos modais de transporte do Brasil.

Como o Despoluir pode ajudar as empresas de transporte a vencer os desafios ambientais e de infraestrutura existentes no contexto brasileiro?

O Despoluir orienta as empresas de transporte sobre medidas estratégicas para a superação de desafios e a geração de ganhos, considerando, conjuntamente, os três pilares da sustentabilidade: ambiental, social e econômico. Além disso, participamos de fóruns e discussões governamentais sobre transporte e meio ambiente, defendendo o desenvolvimento de políticas públicas que atendam às necessidades do setor e criem um cenário favorável para que os transportadores atuem de forma sustentável. Entre os pontos reivindicados ao poder público, destacam-se: investimentos na melhoria e na ampliação da infraestrutura de transporte, medidas para facilitar a aquisição de tecnologias mais limpas e incentivos à integração intermodal.

Quais são os principais reflexos positivos do Despoluir no transporte nacional?

O Despoluir sensibiliza, atualiza e auxilia os transportadores quanto a temas que impactam a atividade e o posicionamento perante a sociedade. O programa contribui para que o transporte nacional atue em conformidade com a legislação ambiental e com o desenvolvimento sustentável desejado para o Brasil. Com certeza, isso se reflete na melhoria do desempenho socioambiental dos transportadores. Mas não apenas. Podemos citar, ainda, a geração de ganhos econômicos devido ao aumento da eficiência energética e à melhoria das condições de saúde e segurança dos trabalhadores do setor.

Quais são os desafios para o transporte sustentável brasileiro?

A disponibilidade de infraestrutura de qualidade adequada, a existência de condições favoráveis à integração intermodal e a viabilidade de aquisição e uso de combustíveis alternativos e tecnologias sustentáveis. Hoje, a maioria dos empresários do setor transportador já se mobiliza para aliar as suas atividades ao conceito de sustentabilidade, entendendo que essa postura é vantajosa não somente para o meio ambiente e a sociedade mas também para a sua expansão na participação de mercado. Contudo, vale destacar que os transportadores se deparam com entraves da realidade brasileira, como a infraestrutura deficitária, que compromete os ganhos esperados com o uso de combustíveis e tecnologias mais limpas, bem como com a adoção de boas práticas operacionais e gerenciais. É fundamental destacar, ainda, a indisponibilidade de insumos, veículos e outras tecnologias sustentáveis a preços e condições de aquisição acessíveis no mercado nacional. A conjuntura brasileira dificulta sobremaneira a implementação de medidas sustentáveis. Esse quadro precisa ser revertido. 

Quais são os benefícios que o Despoluir propicia aos trabalhadores do setor e à sociedade?

O Programa Despoluir promove o engajamento dos transportadores em ações de responsabilidade ambiental e social que geram importantes benefícios aos trabalhadores do setor e à sociedade, como a melhoria da qualidade de vida. A avaliação veicular ambiental, por exemplo, melhora a qualidade do ar, e isso se reverte em prol da saúde desses trabalhadores, em geral, mais expostos às emissões de poluentes, e da população. Outro exemplo é o incentivo à adoção de boas práticas de gestão ambiental, voltadas ao uso racional de recursos naturais e à destinação adequada de resíduos. Ao investirmos na educação ambiental, colaboramos para que o transportador se torne um grande disseminador do conhecimento. Isso tudo se reverte em práticas sustentáveis, aplicadas na vida real.


voltar