+55 (11) 2632-1000
Escolha uma Página
Equipe do SETCESP viaja para buscar novos modelos de mobilidade no Canadá

Nesse ano a viagem técnica do SETCESP acontece em Montreal, no Canadá. O país é uma das maiores referências mundiais em mobilidade sustentável e o presidente Tayguara Helou juntamente com diretores da entidade, empresários e executivos do setor, desembarcam com o objetivo de explorar as iniciativas que o país tem a oferecer para poder trazer novidades para o TRC no Brasil.

No primeiro dia da viagem, durante o período da manhã, o grupo visitou o Centro de Formação de Transporte Rodoviário de Saint-Jérôme (CFTR), reconhecido pela qualidade na formação de condutores de caminhões e ônibus. O curso não é obrigatório, porém pode ser requisitado pelas transportadoras locais.

Durante a visita, foi discutido a importância de um sistema de avaliação que priorize as competências e habilidades do motorista, ao invés da proficiência como é realizado em muitos países. Essa ação levou a equipe a conhecer a Virage Simulation, empresa especializada na construção e aplicação de simuladores de treinamento para motoristas.

Durante essa visita, o grupo do SETCESP pôde testar o simulador para conhecer um pouco mais sobre os treinamentos de direção, mecânica, planejamento de entregas, certificações, entre outras práticas de formação de condutores.

Já no período da tarde, visitaram o Groupe Robert – empresa destaque no mercado canadense que conta com 41 centros de distribuição, 1.400 tratores e 3.200 reboques, operando no mercado doméstico em carga lotação e fracionada.

Na visita, os empresários brasileiros puderam esclarecer dúvidas sobre o mercado canadense, conversando sobre legislação, regulamentações, relações trabalhistas fiscalização e perspectivas da empresa para os próximos anos.

Dentre as discussões, destacaram-se a falta de mão-de-obra de motoristas, pois faz-se necessário cada vez mais necessário investir em treinamentos desses colaboradores para poder suprir as demandas das transportadoras.  Também conversaram sobre a obrigatoriedade do diário de bordo eletrônico, que passará a ser obrigatório no Canadá em 18-20 meses.

Para saber mais sobre essa viagem técnica, embarque com a gente e fique atento as nossas redes sociais.


voltar