(11) 2632-1000
Escolha uma Página
03 de Novembro de 2016 – 05h16 horas / AutomotiveBusiness

O ambiente de negócios segue desafiador para o setor de caminhões, que acumulou outra queda importante nas vendas em outubro. Foram emplacadas apenas 3,4 mil unidades, com redução de 17,7% sobre o mês anterior. Os dados do Renavam divulgados pela Fenabrave, entidade dos distribuidores de veículos, apontam que a baixa foi de 40,9% quando a comparação é feita com o mesmo período de 2015.

 

A redução é um balde de água fria para o setor, que chegou a comemorar o resultado de setembro, quando as vendas, apesar de contraídas, pareciam ter se estabilizado no patamar de 4 mil unidades mensais. “O clima é mais positivo, o telefone voltou a tocar”, chegou a dizer Luiz Carlos de Morais, vice-presidente da Anfavea, ao comentar os resultados do período.

 

Com a performance decepcionante de outubro, o tombo das vendas de caminhões no acumulado do ano segue grande. Nos primeiros 10 meses de 2016 os negócios somaram 42 mil unidades, com retração de 31,8%. Pelo ritmo do mercado, os números estão longe de convergir para a projeção da Fenabrave de que serão vendidos 51,3 mil caminhões até o fechamento do ano, que terminaria com queda de 28,5% sobre o resultado de 2015.


voltar