(11) 2632-1000
Escolha uma Página
13 de Abril de 2017 – 04h28 horas / Scania do Brasil

No dia 2 de julho, a Scania completará 60 anos de Brasil já trabalhando nas soluções de transporte ainda mais eficientes, sustentáveis, conectadas e rentáveis, que vai oferecer nos próximos 60 anos.

 

A história da marca no Brasil não pode ser escrita sem duas palavras: inovação e pioneirismo. Desde o desembarque no País, da constituição do primeiro nome Scania-Vabis do Brasil S/A – Motores Diesel, do escritório na Líbero Badaró, a mudança para São Bernardo até hoje, a empresa marcou sua trajetória por uma engenharia de ponta, pela qualidade dos produtos, força da rede de concessionárias e pelo foco na necessidade do cliente.

 

A linha do tempo da Scania no Brasil é marcada por diversos pioneirismos, destaques e lançamentos. A revolução do L 75, em 1958, que mudou o conceito do que era oferecido de caminhão no país; a introdução da direção hidráulica, em 1963, no ônibus B76; suspensão pneumática no eixo traseiro dos ônibus, em 1968; a nova revolução com a chegada dos “Jacarés”; o primeiro ônibus com motor traseiro (BR115) no ano de 1972; em 1974 com a inauguração da cabina “cara-chata” com o LK 140; primeiro articulado do país (B111 RS), em 1977; lançamento do intercooler, em 1983; a transformação do que era um caminhão com a chegada da Série 3, em 1991, até hoje uma das mais lembradas; apresentação do chassi 8x2 (1995); O ano de 1998 marca outras duas novidades no mercado: o freio auxiliar Retarder e a injeção de combustível totalmente eletrônica; L94 UB: primeiro ônibus urbano de piso baixo (1999); em 2001 dois pioneirismos: a caixa automatizada Opticruise e o ônibus de 15 metros; no mesmo período, um novo jeito de pensar e fazer Serviços é implantado, sem precedentes na indústria; a nova elevação do patamar de um caminhão, em 2007, com a chegada da família P, G e R, e de ônibus com a Série K, no ano seguinte; apresentação do Driver Support 2010).

 

Em 2011, importantes contribuições ao meio ambiente: pioneira marca a comercializar  os motores Euro 5, e venda dos primeiros ônibus e lançamento do caminhão, ambos a etanol e inaugurais na América Latina; ainda em 2011, elevação ao patamar premium nos semipesados com o P 310 euro 5, inovador ao trazer tração 8x2, caixa automatizada Opticruise opcional, cabine leito e suspensão pneumática; em 2013, chega ao mercado o Streamline, que oferece um caminhão 4% mais econômico que o Euro 5 tradicional; em janeiro de 2014, foi a vez de inovar e tornar o câmbio Opticruise de série nos semipesados; em 2015 lançamentos do caminhão rodoviário 8x2 com quarto eixo original e do biarticulado, o primeiro com motor dianteiro; o ano de 2016 marcou a chegada do primeiro ônibus nacional movido a GNV/biometano. Por fim, em janeiro de 2017 a apresentação dos Serviços Conectados Scania.    

 

“Nossa história é baseada em confiança e relacionamento com o cliente para entregar rentabilidade. Nós investimos ao longo das últimas décadas para ajudar a transformar o transporte nacional. E, vamos continuar aportando recursos nessas próximas. Agora, assumimos uma jornada com os clientes em direção a sermos parceiros para a transição para um sistema de transporte sustentável”, afirma Roberto Barral, diretor-geral da Scania no Brasil.


voltar