(11) 2632-1000
Escolha uma Página
Luta por Delegacia Especializada em Roubos de Cargas ganha respaldo na AL
30 de Maio de 2014 – 01h35 horas / Assesssoria – ExpressoMT

A luta antiga do Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas no Estado de Mato Grosso (Sindmat) para que o Estado crie uma Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Cargas ganhou um apoiador. O primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, deputado estadual Mauro Savi (PR), garantiu que vai fazer gestão junto ao Chefe do Executivo para que o desmembramento ocorra o mais rápido possível. Além disso, o parlamentar apresentou um projeto de lei que visa punir até mesmo com a cassação do cadastro do ICMS das empresas que comercializarem produtos oriundos de cargas roubadas.


A declaração do parlamentar foi feita durante a abertura do Workshop de Segurança – Combate ao Crime de Roubo de Carga, realizado pelo Sindmat, nesta quinta-feira (29). De acordo com Mauro Savi, essa é uma questão preocupante porque os números referentes a roubos e furtos de cargas têm aumentado em todo o Estado. “É uma preocupação nossa e das pessoas que estão aqui trabalhando, carregando nossos produtos, transportando, aliás, por lugares ruins até para andar, mas estão levando nossos produtos nos destinos”, ressaltou.

O primeiro-secretário da Assembleia reforçou que um Estado que campeão na produção de grãos tem que ter um respeito maior pelas pessoas fazem o transporte dessa produção e que para isso é preciso agir em várias frentes. “Uma delas é a questão da interceptação das cargas roubadas. A pessoa não rouba pelo simples fato de roubar, rouba porque tem onde entregar. Por isso apresentamos esse projeto de lei que com certeza vai inibir o receptador de receber essa mercadoria e, com isso, começa a diminuir os crimes”, observou.

De acordo com o projeto de lei apresentado, mesmo não sendo receptador, pelo simples fato de comercializar mercadoria roubada, a empresa pode sofrer as sanções da lei, que vão desde a cassação do cadastro de contribuintes do Imposto Sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestação de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS), até a imposição de multa.

Sobre a criação de uma Delegacia Especializada, o parlamentar afirmou que na próxima semana se reunirá com o governador Silval Barbosa e com a Polícia Civil para tratar sobre o assunto. “Tenho certeza que com isso vai acontecer um acompanhamento e controle maior de entrada e saída dessas mercadorias”, frisou Mauro Savi.

O presidente do Sindmat, Elleus Vieira de Amorim, destacou as transportadoras têm sido invadidas por quadrilhas armadas, com alto grau de violência, e que nas rodovias tem sido constatado um crescente número desses crimes que trazem um prejuízo muito grande, não só material, mas principalmente humano.

Por isso, segundo o dirigente sindical, o apoio do deputado nessa luta será fundamental. “Sabemos que a parceria do deputado Mauro Savi não é de agora, e com certeza ele não nos faltará em mais esse pleito”, afirmou.


voltar