+55 (11) 2632-1000
Escolha uma Página
17 de Agosto de 2016 – 03h42 horas / Automotive Business

O volume de financiamentos de veículos novos caiu 29,6% entre janeiro e julho na comparação com iguais meses do ano passado: foram 646,6 mil unidades, entre leves e pesados, contra os 919 mil financiados no acumulado de 2015, segundo dados da Cetip divulgados na terça-feira, 16.

 

A participação dos financiamentos nas vendas totais de veículos fechou o período em 55%, índice abaixo da média histórica, normalmente entre 60% e 65%, de acordo com levantamento da Anfavea.

 

A queda do total de financiamentos também está acima da retração apresentada pelo mercado geral, que até julho recuou 24,7%, para 1,16 milhão de veículos).

 

No segmento leve, que inclui automóveis e comerciais leves, a retração das vendas a prazo foi de 30%, para 612,1 mil unidades, considerando apenas veículos novos. Este total representou 54,3% das vendas totais do segmento nos sete meses do ano fechados em julho.

 

Já em pesados, que considera caminhões, ônibus e implementos rodoviários, os financiamentos recuaram 23,8%, para 34,4 mil, volume que representa 65,5% no total de emplacamentos somando as três categorias.

 

Em usados, as vendas a prazo também tiveram queda, mas em proporção muito menor que a dos novos: entre janeiro e julho o mercado de usados financiou pouco mais de 1,55 milhão de veículos, entre leves e pesados, 7,8% menos do que igual intervalo de 2015. Deste total, 1,48 milhão são leves, retração de 7,6% no comparativo anual, enquanto pesados caíram 11,3%, para 66,9 mil.


voltar